TITITI na Beija - Flor

18 AGO 2014
18 de Agosto de 2014

Quinta-feira tem sido um dia de muita ansiedade pelas terras de Nilópolis, já que é o dia em que se apresenta a principal chave de sambas enredos que estão disputando para cantar o enredo “Um Griô conta a história: Um olhar sobre a África e um despontar da Guine Equatorial, caminhemos sobre a trilha da nossa felicidade!”, da escola Nilopolitana para o carnaval de 2015, desenvolvido pela Comissão de Carnaval. Em conversa com alguns compositores, sobre quais são as expectativas para disputa que está apenas se iniciando, todos esperam que seja uma disputa saudável, apesar de terem a certeza que será bem acirrada, haja vista, que tem ótimos sambas inscritos.

Luiz Antônio Marcondes, o JR Beija Flor, um dos integrantes do antigo samba 39, que para essa disputa uniu-se ao samba 13, formando apenas uma parceria, afirma que está confiante no trabalho que foi desenvolvido, pois foi um samba elaborado dentro das características da escola. Diz ainda estar muito satisfeito com a repercussão do samba pelas redes sociais. O compositor Samir Trindade, também integrante do samba 13 diz ter uma ótima expectativa para a disputa, já que a escola escolheu um grande enredo e tem uma boa safra de sambas, finaliza dizendo que espera atingir com o samba o coração da comunidade Nilopolitana, conquistar a disputa e conduzir a Deusa da Passarela ao campeonato. Ainda em conversa com compositores, Cristiano Costa, mais conhecido como Amendoim do Samba, integrante do samba 10, diz que espera ser uma bela disputa, já que sambas de grande qualidade surgiram este ano, e afirmou que em cerca de dez anos não se via uma safra de sambas que colaboram para disputa  ficar ainda mais acirrada e  finaliza desejando boa sorte a todos.

 

A Beija Flor será a terceira escola a pisar na Sapucaí, na segunda-feira de carnaval.

Matéria produzida pelo colaborador Dougg Fernandez

Voltar

MAIS QUE UMA RÁDIO, 
UMA REFERÊNCIA
DE CULTURA.